Quando a gente termina um relacionamento eu sei que fica a ferida. Fica o medo do novo. Fica a preguiça de se relacionar novamente, amar de novo e de conhecer outra família. O medo de dar errado novamente. E então a gente se fecha. Acha melhor deixar essa história de amor de lado. Mas, no fundo, a gente gostaria mesmo de viver um história a dois.

Depois de tanto se ferir a gente deixa de orar pedindo. Acha que Deus não está ouvindo. Talvez seja melhor esquecer esse sonho, pensamos. Mas nossa dor nos impede de ver o que a fé nos ensina a olhar: o improvável, o impossível, a gente deixa com Deus. E confia. Ele tem poder para fazer tudo novo.

Você acha mesmo que Deus não sonha os seus sonhos? Alguns Ele olha e diz: Filho(a) você acha que isso vai ser bom, mas não é. Eu tenho algo melhor. Outros, Deus olha e diz: Calma, você ainda não está pronto(a) para viver isso. Mas vai acontecer.

O desejo de ter uma família é plano de Deus. A bíblia diz que é bom que o homem não viva só. Adão e Eva foram planos de Deus. A sua história de amor, também é sonho dEle. Deus se preocupa com as coisas do coração. Mas as vezes, na maioria das vezes, deixamos Ele de lado e achamos que Ele não se importa com quem iremos nos relacionar.

Peça a direção de Deus. Ore mesmo quando as coisas não acontecem. Esqueça o seu passado. Peça para Ele curar suas feridas. Não deixe que a dor seja maior que o desejo de viver os planos de Deus.

Imagem: Jessica Rockowitz via: Unsplash

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Thamilly Rozendo
Psicóloga, 25, é aquela que escuta mil vezes a mesma música e tem a risada escandalosa. Não dispensa um sorvete e adora um pastel de feira com muito catupiry, mesmo sendo intolerante a lactose. Encontra paz na oração e vê amor nos pequenos detalhes.