Às vezes me perguntam se é a vontade de Deus, porque Deus respondeu com um “não” a oração, e se negam a achar que Deus está de fato ouvindo suas orações.

Mas tenho a plena certeza que Deus ouve. Não é à toa que Ele nos convidou a buscá-lo, ensinando a entregar as nossas preocupações a Ele (Salmos 55:22). Mesmo conhecendo nosso íntimo e sabendo das nossas vontades, é unindo a nossa mente a dEle que firmaremos um relacionamento, que teremos comunhão (Efésios 3:16-19).
E tenha a certeza de que Deus responde. Às vezes você está orando por uma coisa há muito tempo e você acha que não tem respostas. Mas temos o costume de achar que Deus não responde, quando a resposta vem diferente do que gostaríamos. Deus responde de acordo com o que for melhor para nós. Não entendemos, mas pelo sim ou pelo não, confiar nos planos de Deus é o mais sábio a se fazer. É entregar o futuro nas mãos de quem é mais inteligente que eu, e sabe de todas as coisas que eu preciso – e que não preciso também.

Isso não quer dizer que mesmo pedindo queremos, Deus só irá responder de forma determinada. Jesus pediu algo que desejava: “Pai, se queres, afasta de mim este cálice”. Mas terminou a oração com “não seja feita a minha vontade, mas a tua” (Lucas 22:42).

Então as vezes você está à espera de um relacionamento, a resposta de uma entrevista de emprego, ou a alguma coisa que você quer muito e tem pedido em oração, mas não sabe se Deus irá te responder da forma que você deseja. Você fica confuso sobre qual é a vontade de Deus em diversos aspectos da sua vida. Fica confuso sobre o que é certo ou errado pedir. Então, duas dicas:

  1. Faça de sua oração um: Deus, faça a Tua vontade, e alinhe a minha vontade a Tua.
  2. Tenha firmado em você a vontade de Deus:

A vontade de Deus é a sua salvação. Se for vontade de Deus, vai te aproximar do propósito dEle.

O propósito de Deus na sua vida é te levar para pertinho dEle. Para isso, você precisa saber quem você é e quais relacionamentos te levam a isso.

Dois assuntos que vou abordar.

Leia o texto 2 da série Propósitos: Minha identidade: Qual é o meu propósito? (2/3)

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Gabriele Sauthier
Nasceu em 93. Faz doutorado em Biologia. Apaixonada por livros, desenhos e animais. Idealizadora do @faleicomamor.