Em meio ao turbilhão barulhento e confuso que havia se tornado minha vida, eu perdi a minha capacidade de escutar a voz de Deus. Isso me trouxe um desespero absurdo, porque Ele estava em silêncio. Eu não conseguia mais ouvir a voz do meu Pai, e para mim, não existe crise pior do que essa.

Ao orar, eu não sentia que minhas orações estavam chegando ao céu, por mais que, na teoria, eu soubesse que estavam. Eu havia perdido toda a minha sensibilidade espiritual e isso ocasionou diversos outros problemas. Mesmo lendo a Bíblia constantemente, orando e até jejuando, mas parecia que nada disso era o suficiente, até o dia em que eu decidi, de fato, não aceitar mais essa situação.

Eu me ajoelhei na sala da minha casa com o coração verdadeiramente voltado para Deus e disse: “Jesus, eu quero ouvir a sua voz e obedece-la, mesmo que isso me leve para longe da minha vontade, ou me cause qualquer tipo de dor ou frustração temporária“. Essa tinha sido a única oração verdadeiramente sincera dos últimos tempos. Sabe o que aconteceu? O silêncio se quebrou!

Jesus estava naquela sala comigo e eu pude O sentir como não sentia há um bom tempo. Ele me falou sobre minha essência e sobre eu ter permitido que o caos falasse mais alto que a minha fé. Ele falou sobre eu tomar minhas decisões sozinhas e como as pessoas ao meu redor estavam influenciando minhas escolhas mais do que a Sua palavra; e então, foi como se uma escama tivesse caído dos meus olhos e tudo tivesse sido esclarecido naquele momento.

Deus não se cala porque é um Deus mau, ou porque não somos dignos de ouvir Sua voz, Ele se cala porque sabe muito bem quando não estamos realmente dispostos a ouvir. Pense, você ficaria diariamente repetindo uma direção a alguém que simplesmente te ignora todos os dias? Acredito que não. Da mesma forma, Deus só volta a falar conosco sobre determinadas coisas quando paramos de birra e nos calamos para ouvir Sua voz e obedece-la.

Deus não está em silêncio para te punir, talvez o problema seja você pedir uma direção que não está realmente disposto a seguir. Deus me falou e me mostrou claramente que Ele está SEMPRE perto de um coração que realmente queira estar perto do coração Dele.

Nem sempre a vontade de Deus nos agrada de imediato, mas sem dúvida nenhuma, sempre será o melhor para nós. Só precisamos confiar e obedecer, por mais difícil que aparente ser.

(Acompanhe o Namorei: Instagram)

 

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Bruna Gabriela
Por fora, 22 anos, por dentro, uma eterna criança. Teimosa, chata, peculiar e mimada. Moro em uma cidade do interior de São Paulo chamada Ribeirão Preto, mas na verdade só estou aqui de passagem, pois pertenço, inegociavelmente, ao céu. Vivo olhando para o alto com cara de apaixonada como quem olha com admiração para um retrato de casa. Acredito, sobretudo, no amor, em especial, no amor de um Deus, soberano e majestoso que, mesmo sem eu merecer, me chama de Filha.