Quero falar com as “martinhas” de plantão…

Tem alguém que se identifica aí como aquela que está preocupada e inquieta? Bem, já dizia um amigo meu que Deus sempre fala com a gente em primeiro lugar, antes de falar com qualquer outra pessoa. Você não é exclusiva por se sentir assim. Eu já estive tão inquieta, com um milhão de planos na minha cabeça. Mas aprendi com algumas experiências que Deus, tem hora para todo propósito em nossa vida. E uma vez que eu entreguei minha vida a Ele, eu perdi minha autonomia, eu perdi o controle remoto, não posso mudar o canal ou simplesmente, “dar um mute”. Eu sempre vou ter que voltar para o lugar de descanso que não deveria ter saído nunca: Aos seus pés.

Nos pés de Jesus existe clareza.
No pés de Jesus existe unção, humildade.
Nos pés de Jesus você se reconhece porque Ele te olha nos olhos.
Nos pés de Jesus há equilíbrio, poder e amor.
Nos pés de Jesus há conhecimento, sabedoria e prostração.
Aos pés de Jesus você encontra o caminho, a direção e você não se fadiga.
Aos pés de Jesus você encontra uma parte que se chama BOA. E Boa vem de fazer a vontade Dele e logo quando isso acontece você experimenta o que é bom, perfeito e agradável.

Já experimentou parar? Já experimentou ser cuidada por alguém? No dia do casamento a gente não tem como não parar, a gente é obrigada a ficar quietinha enquanto as coisas estão sendo preparadas. Talvez, você precise parar, porque só assim você sentirá o quanto Deus está cuidando de você!

Então, Marta, dê uma pausa. Se torne Maria hoje, se torne quem Deus quer que você seja. Uma mulher que ouve, respira, e certamente recebe orientações clara de um destino que olho nenhum viu, ouvido nenhum ouviu aquilo que Deus preparou para aqueles que O amam!

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Alyne Morais
Quase 28 anos, Casada com Gil, aprendendo que a escrita é forma que Deus nos deu para escrever belos roteiros. Na maior parte do tempo roteirista, admira a essência e cada mínimo detalhe que a vida carrega. Apaixonada por livros, e sentar em lugares bem altos, pra se sentir perto do céu.