O fruto do Espírito Santo não tem nada a ver com os dons que você recebe Dele. Você fluir em palavra de conhecimento, cura, ou qualquer outra coisa, não significa que você está enraizado Nele frutificando quem Ele é. As vezes nos apegamos às nossas obras e nos esquecemos que o amor  – que é Ele em nós – sempre será superior a todos os dons que recebemos.

Eu sei que isso parece ser clichê de ouvir, mas não creio que realmente entendemos. Se nós, como um todo, tivéssemos entendido que o amor é superior aos dons e as obras, entenderíamos o valor de “um” e não desejaríamos apenas a multidão. Ou até mesmo gastaríamos mais tempo aos pés Dele, conhecendo Seu coração e pensamento, para assim transbordar apenas de quem Ele é, ao invés de apenas pedir e amar o que Suas mãos podem fazer.

Esse processo de enraizar-se Nele, deixar com que Sua verdade e Graça floresçam em nós, não é um processo de um “tempo” apenas, é para a vida inteira! Uma vida tendo-Lhe como maior ambição e dando-Lhe completa devoção, não para receber algo em troca – mesmo Ele sendo um bom Pai que quer dar boas coisas ao Seus filhos, quer dar o que Ele é -, mas sim para contemplá-Lo sendo transformado por Sua natureza perfeita e imutável, sendo transformado de glória em glória – dia após dia, passo após passo.

Deus nunca nos “força” a estar nesse Lugar Nele, Ele nos convida gentilmente a provar Dele mesmo e O conhecer como Ele nos conhece desde a fundação do universo. É um processo que termina no dia em que O vemos face a face, uma desconstrução diária frutificando o Fruto que somente será gerado em um lugar de profunda intimidade. Não precisamos de algo insustentável, algo que se vai com o tempo ou até mesmo com as circunstâncias que nos cercam, nós precisamos do Eterno e inabalável que conhecemos quando provamos de Sua natureza, vai muito além do que ter boas obras, vai muito além de ser conhecido…

É tempo de não perder mais tempo achando que fazer é ser, é tempo de não se contentar mais com elogios humanos, mas desejar a vontade perfeita Dele e Seus elogios apenas. É hora de crescermos – entendendo que maturidade significa depender plenamente Dele – e realmente sermos para apenas fluir!

Alguns versículos para meditar: “Quero dizer a vocês o seguinte: deixem que o Espírito de Deus dirija a vida de vocês e não obedeçam aos desejos da natureza humana. Porque o que a nossa natureza humana quer é contra o que o Espírito quer, e o que o Espírito quer é contra o que a natureza humana quer. Os dois são inimigos, e por isso vocês não podem fazer o que vocês querem. Mas o Espírito de Deus produz o amor, a alegria, a paz, a paciência, a delicadeza, a bondade, a fidelidade, a humildade e o domínio próprio. E contra essas coisas não existe lei. As pessoas que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a natureza humana delas, junto com todas as paixões e desejos dessa natureza. Que o Espírito de Deus, que nos deu a vida, controle também a nossa vida!”. (Gálatas 5:16-17, 22-25)

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS




Isabella Quagliarelli
Eu sou a Isabella Quagliarelli Lachaitis, mas todos me chamam de Bella. Tenho 20 anos, sou missionária, com chamado focado na Europa, e artista plástica. Apaixonada por escrita e por Deus, encontrando aqui, um cantinho para transbordar o meu coração e o que tenho ouvido Dele em palavras.