Que mania é essa de querer agradar a todos? Que mania é essa de perfeição? Que mania essa de ser feliz e ficar espiando na janela para ver o que os outros vão falar de você?

Mania boba e até ilusória. Nunca te falaram que não importa o que você faça, sempre irão te julgar, seja de uma forma negativa ou positiva? Só vai depender do ponto de vista de quem julga.

Mudar para agradar alguém e ao mesmo tempo esconder quem você é, está errado. Tentar se encaixar aqui ou ali para pertencer ao ambiente, também. Tudo o que vivemos, nossos sonhos, quem a gente é não pode ser colocado simplesmente em uma caixa lacrada, que só pode ser aberta quando conveniente.

O peito pulsa por liberdade, não essa liberdade que nos induz à libertinagem, mas a liberdade que nos torna livres e amados por termos sidos criados antes da fundação do mundo. A liberdade que nos encaixa no Amor e nos torna filhos alcançados. A liberdade de ir e vir e saber que estamos sendo cuidado pelo Espírito. A liberdade de ser quem você é, aceito, justificado pela fé. A liberdade que é um verbo e que somente diz: Segura a minha mão. Então, deixe esse verbo, Jesus, dizer quem você.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Maria Clara
23, Fortaleza. O que mais busco é ser semelhante a Cristo, e refletir esse amor que um dia me alcançou.